Metalúrgicos de BH/Contagem conquistam reajuste de 9,9%

postado em: Notícias | 0

Em assembleia realizada no Sindicato,  na última quinta-feira (17), os metalúrgicos de BH/Contagem aprovaram, por ampla maioria, um acordo que garante reajuste salarial de 9,9% (7% agora e + 2,9% em fevereiro de 2016), abono, estabilidade de 30 dias e outros avanços.

A campanha salarial 2015 dos metalúrgicos de Minas Gerais foi prejudicada pela forte crise política e econômica que está dificultando o crescimento do país e vem refletindo em todos os setores econômicos, provocando demissões em massa e retiradas de direitos dos trabalhadores.

Mesmo diante desse quadro desolador para toda a classe trabalhadora brasileira, os metalúrgicos de BH/Contagem e região conseguiram arrancar um acordo com reposição da inflação e manutenção das cláusulas anteriores

Este acordo conquistado é melhor que a maioria dos acordos fechados no segundo semestre do ano e garante um fim de ano melhor e mais tranqüilo para a companheirada.

Principais pontos do acordo

REAJUSTE SALARIAL

De 7% (outubro) + 2,90% (fevereiro) = 9,90% para todos os trabalhadores.

ABONO

De R$ 450,00 a ser pago em parcela única em março de 2016 para trabalhadores de empresas que não possuem PLR.

GARANTIA DE EMPREGO OU SALÁRIO

30 dias após a assinatura da CCT (18/12/15 a 16/01/16).

PISO SALARIAL

A partir de 1º de fevereiro de 2016

Empresas com até 10 empregados = R$ 990,00
Empresas com mais de 10 até 400 empregados = R$ 1.018,60
Empresas com mais de 400 até 1000 empregados = R$ 1.089,00
Empresas com mais de 1000 empregados = R$ 1.348,60

PRAZO PARA PAGAMENTO DAS DIFERENÇAS SALARIAIS

As empresas poderão pagar as diferenças salariais de outubro, novembro e dezembro de 2015, juntamente com os salários de janeiro de 2016.

MANUTENÇÃO DAS DEMAIS CLÁUSULAS DA CCT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + 2 =