Dia Mundial em Memória das Vitimas de Acidentes e Doenças do Trabalho

postado em: Notícias | 0

A data de 28 de abril é lembrada no Brasil, e em vários outros países, como o “Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho”. É um dia não apenas para lembrar as vítimas dos acidentes e doenças relacionadas ao trabalho, mas também um momento em que os movimentos sindicais e populares reafirmam o compromisso com a luta e ações por condições dignas de trabalho, que visam impedir que acidentes de trabalho, eventos evitáveis, continuem a se repetir no país, causando mortes, sofrimento e outros danos sociais e ambientais para a população, em especial para os trabalhadores.

No Brasil, segundo dados oficiais, entre os anos de 2012 e 2014, ocorreram mais de 2 milhões de acidentes de trabalho. Ficaram inválidos 47.910 trabalhadores e 8.392 morreram. No setor extrativo ocorreram 21.057 acidentes de trabalho.

Esses dados dão a dimensão da irresponsabilidade patronal de desrespeito as normas de proteção à saúde dos trabalhadores e coloca para o Estado, para toda a sociedade e, em especial, os movimentos sindical e popular, importantes desafios a serem enfrentados em defesa da vida e dos direitos da classe trabalhadora.

O acidente de trabalho ampliado, envolvendo o rompimento da barragem do Fundão, da Samarco Mineradora S.A. (Vale/BHP) trata-se de um dos piores acidentes de trabalho e o maior desastre ambiental do país.

Por esse motivo, o Fórum Sindical e Popular de Saúde e Segurança do Trabalho de Minas Gerais e o Fórum Nacional e Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora das Centrais Sindicais, com apoio de várias entidades e instituições, realizarão atividades nacionais unificadas em memória às vítimas de acidentes de trabalho, no período de 26 a 28 de abril, nas cidades de Ouro Preto e Mariana, em Minas Gerais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − treze =