Próxima sexta é um passo rumo à greve geral

postado em: Notícias | 0

Em diferentes encontros em Brasília, o presidente da CUT Nacional, Vagner Freitas, falou a senadores e jornalistas sobre a construção da greve geral.

“Dia 10 é Dia Nacional De Mobilização, de luta em defesa dos direitos sociais e trabalhistas, de construção, de aquecimento para uma greve geral que ainda não tem data marcada. As bandeiras desse dia serão ‘Fora, Temer’ e ‘nenhum direito a menos’.

Como em outras mobilizações realizadas pela CUT e pelos movimentos sociais nos últimos meses, os trabalhadores podem atrasar a entrada, fazer assembleias, paralisar as atividades durante a manhã ou durante 24 horas, como a FUP (Federação Única dos Petroleiros) decidiu fazer e, no fim do dia, fazerem um grande ato em uma avenida ou praça pública das cidades.

A greve geral está sendo construída, mas só vai ocorrer quando o governo interino do vice-presidente interino Michel Temer encaminhar para o Congresso Nacional as medidas de retirada de direitos que vêm sendo anunciadas via imprensa.

A CUT está construindo uma greve geral com suas bases para lutar contra retrocessos, retirada de direitos, como da previdência social, da educação, da saúde, a mudança no regime do pré-sal, como Michel Temer, o golpista interino vem anunciando”, completou o presidente da CUT.

Confira a agenda de mobilizações em Minas Gerais:

DIA 09/06

Governador Valadares – 17h – Cultura pela Democracia – Gov. Valadares – Praça dos Pioneiros

DIA 10/06

Belo Horizonte – 17h – Ato Fora Temer – Frente Povo Sem Medo – Praça da Liberdade

Uberaba – FORA Temer! – Grande ATO Uberaba- Praça dos Correios

Pouso Alegre – 18h – Fora Temer, Não ao Golpe, Nenhum Direito a Menos! – Praça Senador José Bento

Uberlandia – 17h – Ato Fora Temer!! – Pça Clarimundo Carneiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito − seis =