Sindicato suspende negociações com Vallourec

postado em: Notícias | 0

Diante da resistência da Vallourec em negociar alterações no acordo de Banco de Horas individual implantado na fábrica, o Sindicato dos Metalúrgicos de BH/Contagem e região está rompendo as negociações com a empresa.

O Sindicato entende que o acordo de Banco de Horas vigente na empresa, além de cruel com os trabalhadores, fere a legislação trabalhista.

O acordo que os trabalhadores foram coagidos a assinar não determina uma data limite para compensar as horas acumuladas de trabalho. Segundo texto da legislação atual, a compensação deve acontecer a cada seis meses, caso contrário, a empresa deve pagar as horas trabalhadas.

Vários trabalhadores estão pedindo demissão da empresa em função dessa forma cruel pela qual os funcionários são submetidos.

O Sindicato também não concorda com banco de horas aos sábados, domingos e feriados. Se existe a demanda para trabalho nos dias em que o trabalhador (a) poderia estar com seus familiares, que a empresa pague as horas trabalhadas.

Depois de várias reuniões para tentar corrigir as irregularidades, ficou claro a indisposição da Vallourec em alterar qualquer cláusula em favor dos metalúrgicos (as).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × cinco =